Site Map
  Home Home Forum Forum Mi cuenta Mi cuenta Participe Participe Contactos Contactos
Rutas Turísticas
www.rutas-turisticas.com

Participe
Cuéntanos acerca de los destinos de vacaciones que ha visitado. Clique aqui.
Destinos de vacaciones
Argentina
Vacaciones e información: BARILOCHE

BARILOCHE qué hacer, qué visitar, dónde ir, dónde comer, reserva de hoteles, los aeropuertos más cercanos, fotos, información general, consejos, etc.
Clasificación global Todavía no tenemos ninguna puntuación

¡Sé el primero en dar una opinión sobre BARILOCHE
Aeropuertos cercanos a BARILOCHE a una distancia máxima de 250 Km del centro de BARILOCHE
BRC - San Carlos de Bariloche 11.71 Km del centro de BARILOCHE - Aeropuerto internacional
- El Bolsón 91.38 Km del centro de BARILOCHE - Aeropuerto Regional
CPC - Chapelco 118.54 Km del centro de BARILOCHE - Aeropuerto Regional
PMC - El Tepual 153.54 Km del centro de BARILOCHE - Aeropuerto Regional
ZOS - Carlos Hott Siebert 159.52 Km del centro de BARILOCHE - Aeropuerto Regional
EQS - Brigadier General Antonio Parodi 196.81 Km del centro de BARILOCHE - Aeropuerto Regional
ZPC - Pucon 212.30 Km del centro de BARILOCHE - Aeropuerto Regional
- Las Marias 221.86 Km del centro de BARILOCHE - Aeropuerto Regional
ZAL - Pichoy 223.99 Km del centro de BARILOCHE - Aeropuerto Regional

Información general sobre BARILOCHE
Bariloche, cujo nome oficial é San Carlos de Bariloche, é uma cidade da Argentina, localizada na Província de Río Negro, junto à Cordilheira dos Andes na fronteira com o Chile, famosa pela sua arquitectura europeia.

Está rodeada por lagos (Nahuel Huapi, Gutiérrez, Mascardi) e montanhas, como o Cerro Tronador (3354 m de altitude, na fronteira com o Chile), o Cerro Catedral (movimentada estação de esqui) e o Cerro López. Possui cerca de 130 mil habitantes.

O nome Bariloche provém da palavra "Vuriloche", que na língua mapuche significa "povo de trás da montanha". Isto porque seus primitivos habitantes, os índios mapuches, eram originários do outro lado da Cordilheira dos Andes. A altitude menor dos Andes na região de Bariloche (em alguns casos, inferior aos 1000 m, cobertos de bosques) permitiu aos mapuches migrarem há séculos do sul do Chile para a região da Patagônia argentina.

Bariloche, uma cidade linda para se visitar em qualquer época do ano, desfrute da beleza natural com amigos e familiares.
Fuente: Wikipédia
Transporte
A cidade tem um aeroporto, o Aeroporto Internacional Teniente Luis Candelaria que está equipado para receber jatos, e opera voos domésticos e internacionais para países vizinhos.

Por estrada, fica a 1638 km ao sul da capital argentina, Buenos Aires.

Liga-se ao Chile também por estrada (cerca de 130 km até a fronteira, e mais 115 km até a cidade chilena de Osorno), havendo a opção, para turistas, de travessia em percursos alternados entre barcos e autocarros, num passeio conhecido como Cruce de Lagos, até Puerto Montt.
Fuente: Wikipédia
Clima
Em geral, o clima de Bariloche é frio e seco pois está situada numa micro-zona climática e de vegetação de floresta temperada.

O seu clima é temperado, influenciado pela proximidade dos Andes, e suas florestas se mantêm graças à abundância de água dos grandes lagos glaciais, como o Nahuel Huapi..

Afastando-se poucos quilômetros para leste da cidade, porém, o clima se torna mais seco, surgindo a fria estepe da Patagónia, com sua vegetação de gramíneas cada vez mais escassas, até que a paisagem se torna a de um deserto.

Porém, durante os dias de verão, são quentes, permitindo todo o tipo de atividades, podendo
o calor chegar aos trinta graus. De qualquer forma, essa temperatura pode descer até os quinze graus durante a noite, já que outra das características do clima da região é a importante amplitude térmica que pode ser registada entre as temperaturas do dia e da noite.

As diferenças climáticas ao longo do dia, mais as diferenças de solos e relevos que tem a região, dão como resultado uma variada e singular flora e fauna.

No inverno (Junho a Setembro), as temperaturas diminuem consideravelmente registando-se valores entre 5º a menos 10º C, e a maior quantidade de neve nas montanhas mais altas dá início à temporada de esqui. Segundo os especialistas, a melhor neve cai no mês de Agosto.

O vento também influi na sensação térmica. Um dia quente pode tornar-se fresco dependendo do vento.

Nas áreas de maior altura, registam-se obviamente temperaturas menores; isto determina que no Cerro Catedral, no centro de esqui, a temperatura seja muito menor do que na cidade.

A água dos lagos é sempre muito fria; alguns dos lagos menores podem congelar durante o inverno.
 
Moeda oficial
Peso Argentino
 
Lingua oficial
Castelhana
 
Turismo
Espalhadas ao longo da costa do Lago Nahuel Huapi, no meio do parque nacional de mesmo nome, Bariloche tem uma das configurações mais belas imagináveis. Isto, combinado com uma riqueza de verão e inverno actividades na zona rural circundante, tem ajudado a tornar-se, para melhor ou pior, Lake District como principal destino.
Os picos crescentes dos Cerros Catedral, López, Ñireco e Shaihuenque (para citar apenas alguns), todos com mais de 2000m de altura, chamam atenção à cidade, dando uma vista de cartão-postal em quase todas as direcções.
Estas montanhas não servem apenas para se admirar, porque com excelentes coberturas de neve (por vezes superior a 2m no final da época) torna –as numa das maravilhas do inverno, e uma atracção para esquiadores e snowboarders.
No verão os naturistas assumem-se, explorando as montanhas para as escalar, trilhos para caminhadas, pescar trutas, passeios de bicicletas de montanha, e cavalos.
Há tanta diversão para se experimentar, que este se tornou o destino para celebrações de final de ano dos alunos argentinos do ensino médio.
E se tudo isto não fosse suficiente, Bariloche é também a capital de chocolate da Argentina, e que a única coisa que se aproxima da quantidade de espaço nas montras das lojas dedicadas ao chocolate fresco, é o número infinito de gnomos peculiares de todos os tamanhos e feitios vendidos em quase todas as lojas do centro.
Oficialmente fundada em 1902, a cidade realmente começou a atrair visitantes, após o início de funcionamento em 1934 do ramal sul da linha de comboio Ferrocarril Roca, e o arquitecto Ezequiel Bustillo ter adaptado estilos da Europa Central no plano urbanístico de bom gosto. Bariloche é agora conhecida por sua arquitectura alpina, dando um toque da Patagónia através do uso de madeiras locais e construção de pedra única, como se vê nos edifícios do Centro Cívico de Bustillo.
Fuente: Compilação vária
Gastronomia
Em Bariloche a opção gastronomia é muito variada.

A cozinha conseguiu misturar a mais representativa da culinária européia com os melhores pratos regionais.

Receitas clássicas receber toques adicionais, tais como o sabor de cogumelos de pinho, frutas finas e todo o tipo de frutas que fazem toda a receita de uma especialidade.

Bariloche também oferece ao turista uma série de bares, lanchonetes, massas e pizzas , além de restaurantes de cozinha internacional e regional .

Salmões e trutas deliciosas saborosa, abundante nos rios e lagos da Patagônia , podem ser degustados frescos, bem como defumado servido com uma variedade de molhos diferentes.

Quanto à carne recomenda-se, o cordeiro patagônico que é uma iguaria local, juntamente com javali e veado, fazendo no seu conjunto atraentes pratos.

Também típico da região Sul, são os produtos, incluindo salmão , veados e javalis fumado, sem deixar de lado pratos clássicos, como carne assada ou no espeto, ou massa caseira e pizza.

Patagonia, também apresenta uma profunda influência das tribos indígenas, em particular, os dos mapuches e araucanos.

Um prato típico preparado por este último é o curanto.

O seu processo de preparação envolve cavar um buraco de 15 cm no chão, dentro do qual pedras incandescentes são colocados dentro de uma fogueira. Uma cama de Nalca ou folhas de maqui, é colocada em cima das pedras, colocando-se por cima os seguintes ingredientes: carne bovina , cordeiro, carne de porco , frango, chouriços (salsichas de carne de porco ), batatas, batatas doces , maçãs e abóboras ocas recheadas com queijo, creme e ervilhas. Subsequentemente, todos estes ingredientes são cobertas com folhas, e peças húmidas de tecido são colocadas em cima delas, de modo a assegurar a preservação do calor.

Em seguida, é tudo coberto bastante terra, transformando assim, toda a operação num verdadeiro forno de pressão.

Tufos de fumo começam a ondular para fora da terra, notificando o processo do cozimento chegou ao seu fim.
A acompanhar todos estes magníficos pratos, pode-se escolher entre a cerveja fabricada, bons vinhos ou champanhes da região.

Chocolates Bariloche são um clássico, tanto na Argentina como no exterior.

A cozinha vienense e alemã e doces, também são tipicamente associados a esta região.

A diversidade de frutas vermelhas cultivadas na área, eventualmente, é transformada em deliciosos doces e geleias que, juntamente com deliciosos bolos caseiros e scones podem ser apreciadas nas casas de chá tradicionais.
 
Documentação necessária
TURISTAS

Se a estadia não for superior a 3 meses, não é necessário pedir o visto turístico, mas deve ter um passaporte com uma validade mínima de 6 meses.

ARTIGO Parágrafo 24 do Decreto-Lei 25.871, 616/2010

PRORROGAÇÃO: pode ser feito na Dirección Nacional de Migraciones no horário de 8 as 14 horas, edifício 4" sector prorrogas", ou nas delegações do interior do país, ou nos postos fronteiriços autorizados pela DNM.

Os pedidos de prorrogação de residência, bem como pedido de mudança de categoria ou subcategoria de imigração deverão serem feitas no prazo de SESSENTA (60) dias antes do vencimento de residência temporária e dentro dos 10 (dez) dias antes do vencimento residência transitória.

O estrangeiro que se apresentar de forma espontânea e voluntária no prazo de trinta (30) dias de vencidos os prazos previstos no ponto anterior, sofrerão uma multa de CINQÜENTA POR CENTO (50%) do valor da taxa prevista para a extensão da residência ou mudança de categoria ou subcategoria migratória.


Requisitos:
• Passaporte vigente ou carteira de identidade válido (países vizinhos).
• Taxa de renovação do Mercosul: US $ 100. NO MERCOSUL: 300 dólares
• Residência temporária vigente *
* No caso em que a validade do visto tenha expirado, não poderá ser prorrogada tal residência, a fim de deixar o país deverá solicitar uma autorização de saída

AUTORIZAÇÃO DE SAÍDA: Pode ser conseguida na “Dirección Nacional de Migraciones”, de 8 a 20 horas, edifício 4 “sector Dirección General de Movimiento Migratorio”, ou nas delegações do interior país, ou nos postos de fronteira habilitados pela DNM

ATENÇÃO IMPORTANTE: A mesma tem uma validade de 10 (dez) dias a partir da data de emissão da autorização, durante esse período, você deverá deixar o país, se vencer esse prazo será necessário solicitar uma nova AUTORIZAÇÃO DE SAÍDA e pagar novamente.

Requisitos:
Passaporte válido, cédula de identidade ou Documento Nacional de Identidade válido em seu país de origem (este último com os países do Brasil, Bolívia, Uruguai, Paraguai, Chile, Peru, Venezuela, Equador e Colômbia).
Fuente: .migraciones.gov.ar
Cuidados de saúde
Para Bariloche, devem-se tomar os mesmos cuidados de saúde para todo o País.

Para quem decidir visitar zonas onde o dengue é endémico (províncias do norte da Argentina), recomenda-se o uso de substâncias repelentes, e de roupa clara que cubra a pele, bem como estar atento aos primeiros sintomas da doença - febres altas, dores de cabeça, musculares ou das articulações, erupções na pele, náuseas, ou cansaço intenso.

Os riscos de propagação da doença declinam com as temperaturas.

Não é exigido qualquer certificado de vacinação, excepto contra a cólera e a febre-amarela aos passageiros procedentes de países onde aquelas doenças sejam endémicas.
 
Comunicações
As comunicações em Bariloche são excelentes. Existem várias empresas de serviços de comunicação por telemóvel.

Existem imensos de cafés com Internet em Bariloche, cujos custos de utilização da internet é muito, muito barato, menos de um dólar por hora.
 


 

 

3 lugares para visitar y dónde ir en: BARILOCHE y dentro de 25 Km
Catedral de San Carlos de Bariloche
San Carlos de Bariloche
Cerro Catedral
San Carlos de Bariloche
Parque Nacional Nahuel Huapi
San Carlos de Bariloche

 

 

1 Servicios de apoyo al turismo en: BARILOCHE y dentro de 15 Km
Ultima Patagonia
Bariloche

 

 

1 Clubs y Campos de Golf en: BARILOCHE y dentro de 50 Km
Llao Llao Golf Course
Bariloche

 

 

4 Tours y Excursiones en: BARILOCHE y dentro de 50 Km
Ilha Victoria e o Bosque de Arrayanes
Bariloche
Passeio ao Cerro Catedral
Bariloche
Tour Pelo Tronador Hill
Bariloche
Pequeno Panorâma Pitoresco (passeio)
Bariloche
 
 

  Comentar y evaluar 
Sus comentarios y sus opiniones pueden ayudar mucho a otros turistas. Gracias por su cooperación.

Si has estado en: Bariloche
cuéntenos sobre sus experiencias

Haga clic aquí...

Destinos de vacaciones en
Argentina
Tierra del Fuego
Bariloche
Buenos Aires
Cabo Virgenes
Comodoro Rivadavia
El Calafate, Glaciar Perito Moreno
El Chalten
Mar del Plata
Puerto Madryn
Rio Gallegos
Ushuaia

 

Comparta las fotos de sus vacaciones en Bariloche

 


Rutas Turísticas ofrece los mejores precios en alquiler de coches.
Haga su reserva.

 


 
 
HOME | Quién somos | Política de privacidad | Publicidad | Contactos | Mapa del Sitio